Workshops no Recife identificam diversas possibilidades de colaboração

Nos dias 23 e 24 de agosto, a Escola Politécnica da Universidade de Pernambuco (POLI/UPE) sediou o "German-Brazilian Workshop onInformation Systems in LogisticsandProductionEngeneering". O evento foi promovido pelo Departamento de Sistemas da Informação e o Centro Brasileiro da Universidade de Münster  e sob a direção do Prof. Bernd Hellingrath, em colaboração com a POLI/UPE e o Centro Alemão de Ciência e Inovação São Paulo (DWIH-SP). 

© Brasilien Zentrum

Professores e jovens pesquisadores da Universidade de Münster e de diversas universidades do Nordeste brasileiro apresentaram seus trabalhos científicos, estabeleceram novos contatos e discutiram possíveis projetos de pesquisa conjuntos Do lado brasileiro, o workshop contou com participantes da UPE, da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), da Universidade Federal da Bahia (UFBA), da Universidade Federal do Ceará (UFC) e da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Desta forma, o evento contribuiu para fortalecer e ampliar as colaborações científicas entre a Alemanha e o Nordeste brasileiro.

© Brasilien Zentrum

No dia seguinte, 25 de agosto, foi realizado o "German-Brazilian Workshop onSmart Manufacturing, Logistics& Energy Systems – Industrial NeedsMeetResearchDevelopments", no Hotel Atlante Plaza em Recife. Neste evento, os professores do primeiro workshop se encontraram com representantes da indústria e de órgãos públicos, para discutir projetos conjuntos de pesquisa entre indústria e instituições de pesquisa no âmbito do programa Industrie 4.0., e nas áreas de logística e energia. O Ministério Federal de Educação e Pesquisa da Alemanha prestou apoio financeiro a este evento, que foi organizado pela Universidade de Münster em colaboração com a UPE e a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado de Pernambuco (SECTI), com apoio da Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper). Em sua palestra inaugural, a Secretária da SECTI, Dra. Lúcia Melo, informou sobre a recém-aprovada Estratégia de Ciência, Tecnologia e Inovação para o Pernambuco. Em seguida, os participantes tiveram uma visão geral sobre as possibilidades de apoio a projetos de colaboração entre empresas e universidades, bem como sobre exemplos de cooperação bem sucedidos. No período da tarde, os professores da Universidade de Münster e de duas universidades brasileiras apresentaram as suas atividades de pesquisa atuais e discutiram com os participantes da indústria pontos de interesse comum e potenciais aplicações. Como resultado destas discussões, foram identificados pontos concretos de contato para a elaboração de projetos de inovação, que devem ser concretizados nas próximas semanas. Os participantes avaliaram o evento de forma muito positiva, considerando-o também um passo importante na direção correta para a cooperação entre as instituições de pesquisa e a indústria no Brasil. Dado que a indústria e a ciência no Brasil ainda colaboram pouco, eventos como este são muito bem-vindos para mostrar as possibilidades de inovação que a ciência traz para a indústria. Apesar da crise econômica e política no Brasil, a Universidade de Münster continua apostando no Nordeste do país, dentro de um processo de planejamento a longo prazo, o que foi bem recebido em Recife.